Quaresmal Tolkien #19

Cruachan é uma banda irlandesa que surgiu da dissolução da banda Minas Tirith, em 1992. A música apresentada a seguir chama-se Ungoliant, está no seu penúltimo álbum, The Morrigan's Call, de 2006. A banda possui oito álbuns no total e canções de inspiração na obra de Tolkien em quatro deles.

cruachan

Além de Ungoliant, também está presente neste álbum uma música chamada Shelob, ambas levam nomes de poderosos espíritos sob a forma de aracnídeos gigantes nos contos de Tolkien, onde a Shelob, é a última descendente da primeira.

Ungoliant e Melkor destruíram as Duas Árvores de Valinor, Telperion (prateada) e Laurelin (dourada), as quais deram origem ao Sol e à Lua posteriormente – há de se fazer notar que estas árvores tem servido de inspiração para as logomarcas do Conselho Branco.

Após Melkor atingir às árvores, à Ungoliant ficou o trabalho de sugar as seivas, com a promessa de que toda sua fome seria saciada. Concluída a sua missão, tornou-se maior do que já era e ainda com mais fome, pois quanto mais comia mais sentia vontade de comer, chegou ao seu fim devorando seu próprio corpo.

Letra:

Ungoliant

Evil incarnate from the depths of night,
a monstrous creature that hungers for light.
Corrupted by Melkor to do as he says,
this hideous spider, unwillingly obeys.

Telperion and Laurelin shone brightly this night,
these trees of the Gods, created for light.
All around Valmar shone silver and gold.
Melkor seen this and his grew cold.

Over the fields of Valinor she came;
the fear of Melkor drove her insane,
to the mound where the trees did grow.
Melkor struck both with a mighty blow.

Their sap poured forth as if it were blood.
Ungoliant drank as fast as she could.
All across Valinor darkness did reign.
Their evil achieved: the trees lay slain.

--

Participe do Quaresmal Tolkien, comente nas publicações enviando sua sugestão de músicas pra gente.

Curtam a fan page da TOCA-BA no Facebook e entrem no nosso grupo TOCA-BA | Conselho Branco para receber atualizações desta e de outras programações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *